Curiosidades sobre a Estrela

26 de julho de 2019

Todo mundo tem uma história de carinho com um brinquedo da Estrela – às vezes, até com mais de um. Seja uma boneca, um carrinho, um jogo ou uma figura de ação, cada brasileiro guarda um espaço especial no coração para momentos da infância compartilhados com um dos produtos da fabricante de brinquedos mais amada do país.

Mas, além destas histórias pessoais, você sabia que tudo que é produzido pela Estrela também tem uma curiosidade em sua trajetória? As bonecas, por exemplo, junto com carrinhos de madeira, foram os primeiros itens fabricados pela marca, que iniciou suas atividades em 1937.

Naquela época, elas ainda eram feitas só de pano, você acredita? A Estrela, aliás, foi responsável por uma das primeiras bonecas produzidas inteiramente no Brasil. Ela tinha 38 centímetros de altura, seu corpo era feito de tecido, e seu rostinho era composto de massa inquebrável.

Esse material foi utilizado até o início dos anos 50, quando surgiu a Pupi, uma boneca articulada de poliestireno que dormia e chorava. Em 1951, nasceu a Bebê que Anda, um dos primeiros nenéns com movimento da marca, que andava graças a uma engrenagem de ferro.

Em seguida, nos anos 60, surgiu a primeira boneca mecânica da Estrela, a Gui, que dava risada quando a criança abria e fechava seus bracinhos. Na mesma época, foi lançada a Beijoca, que mandava beijinhos, e a Amiguinha, que ficou famosa por seu tamanho – incríveis 90 centímetros de pura doçura!

A Susi, lançada em 1966, foi a primeira fashion doll do Brasil, e foi amiga de meninas de diversas gerações seguidas, vendendo mais de 20 milhões de unidades, até deixar de ser fabricada. A boa notícia veio em 1997, quando Susi voltou ao catálogo da Estrela. Quem aqui estava com saudades?

Por falar em saudades, alguém se lembra do Topo Gigio, o ratinho mais famoso dos anos 70, inspirado no personagem do programa de TV? Ou da Ambulância do Dr. Saratudo, de 1985, ou do Snif, cachorro de pelúcia de 1986? Ou do Genius, primeiro brinquedo eletrônico do país?

Os fãs de jogos vão gostar de saber que a primeira criação da Estrela neste setor foi o Pega Varetas, inspirado em uma brincadeira que data do século V a.C. E que o Banco Imobiliário, que teve sua primeira versão lançada em 1944, foi o jogo de tabuleiro mais vendido em todo mundo.

Em 2010, a Estrela apresentou ao mercado o Super Banco Imobiliário, que fez tanto sucesso que vendeu quatro vezes mais do que a previsão inicial da empresa. Na brincadeira, as notinhas de papel do jogo foram substituídas por cartões de crédito e débito, e uma maquininha realizava as operações financeiras das partidas.

 

Deixe um comentário